Como cuidar de um Labrador filhote desde os primeiros dias de vida

Como cuidar de um Labrador filhote desde os primeiros dias de vida

4 de junho de 2022 0

Certamente, um Labrador filhote é a representação exata de tudo que há de bom nos cachorros. Ele é fiel, amável, brincalhão, bastante obediente a seus tutores e sempre muito disposto a agradar a qualquer pessoa.

Mas, nem tudo é alegria. Desde os primeiros anos de vida, você precisará ficar atento a uma série de pontos essenciais para cuidar dessa raça especial. Por isso, fizemos este texto reunindo os principais pontos para cuidar bem do seu amigo de quatro patas, que são:

Ficou curioso? Então venha com a gente e uma ótima leitura!

Comportamento do Labrador filhote?

O Labrador filhote tem um temperamento bastante agradável para qualquer tipo de tutor. Apesar de serem de porte grande, eles são adaptáveis para todo tipo de ambiente, sendo uma raça muito comum em apartamentos, inclusive.

Além disso, o Labrador é bastante amigável com estranhos, pets e crianças. Geralmente, não possui um traço de timidez ou agressividade no seu comportamento, o que é ótimo para quem gosta de receber muitas visitas em casa.

Outro ponto importante é o seu grande gosto por nadar. Afinal, isso não é de se surpreender, já que desde a sua origem, segundo a CBKC, o Labrador é conhecido como uma raça originária na costa de Terra Nova, onde ajudava pescadores a recuperar seus peixes na água.

Desse modo, reunindo essas e outras características, pode-se dizer que um filhote de labrador é:

  • obediente;
  • amoroso e amigável com a família;
  • bastante alegre;
  • enérgico e brincalhão;
  • disposto a agradar qualquer pessoa;
  • extremamente ativo;
  • inteligente;
  • moderado em seus latidos.

Como cuidar do Labrador filhote?

Labrador Filhote. Imagem: Pexels

Agora, para reforçar ainda mais estes traços positivos no seu Labrador filhote, você deverá cuidar muito bem dele. 

Afinal, um tutor que busca cuidar da alimentação, da imunidade e da higiene do seu cão não é somente uma obrigação, mas sim um ato de amor e carinho com o seu pet, que por isso, terá:

  • poucas chances de obter doenças graves;
  • um organismo mais saudável;
  • melhor saúde bucal;
  • pelos mais macios e mais firmes;
  • menos chances de ser um cachorro obeso ou desnutrido.

Bom, para isso, separamos os três pontos principais para os quais você deve se atentar com o seu filhote de labrador. Veja logo abaixo!

Vacine o seu filhote de Labrador

Cuidar da imunidade do seu filhote é o primeiro ato de um tutor que pensa em gerar bem estar nos seus pets. Não é preciso dizer que assim como os bebês, os filhotes de cachorro precisam ter todo o cuidado do mundo para não serem afetados por doenças graves.

Afinal, a saúde desses pets nos primeiros meses de vida é bastante frágil e por terem poucos anticorpos, seu organismo não estará preparado para qualquer ação de micro-organismos.

Por isso, é importantíssimo levar o seu Labrador filhote para o veterinário para iniciar o processo de vacinação do seu cachorro, que geralmente começa nos primeiros 45 dias de vida, com a aplicação da primeira dose da vacina polivalente, a qual deve ter sua segunda e terceira doses aplicadas até o seu pet completar 4 meses de idade.

É bom lembrar que não para por aí. Além da polivalente, o seu pet deverá tomar os imunizantes da:

  • Leishmaniose.
  • Traqueobronquite Infecciosa Canina.
  • Giardíase.
  • Antirrábica.

Se quiser entender mais sobre como imunizar o seu pet, veja o nosso artigo sobre vacinas para cachorro. Será importante para você entender o mais importante sobre este tema.

Vermifugar é preciso

Outro ponto importantíssimo para o seu Labrador filhote é a vermifugação. 

Com a sua aplicação feita por um profissional adequado, o seu pet estará mais protegido de ações de micro-organismos, como, protozoários e vermes, que podem causar diversas reações nada agradáveis para o seu cão. 

Alguns sintomas são comuns, como por exemplo:

  • fraqueza;
  • dores abdominais;
  • irritações na pele;
  • diarreias;
  • vômitos;
  • queda de pelos;
  • problemas gastrointestinais.

Para evitar isso, a vermifugação deve ocorrer nos primeiros 15 dias de vida do seu Labrador filhote. Isso porque o seu pet já pode ter contato com vermes através da amamentação, caso a sua mãe esteja infectada com o verme.

Uma vez aplicada, a vermifugação deve se repetir em até duas doses anualmente.

Higiene do Labrador filhote

Labrador Filhote. Imagem: Pexels

Quando se trata de Labradores, o ponto que mais chama a atenção é a beleza da sua pelagem, que é dupla, com subpelo resistente a qualquer tipo de intempérie, e bastante curta, além de ter três cores bem definidas ao longo do corpo, como:

  • preto;
  • chocolate;
  • amarelo.

No entanto, geralmente, o pelo dos labradores caem muito durante o ano. Para evitar que a sua casa tenha cabelos por todos os cantos, você precisará escová-los pelo menos uma vez ao dia com rasqueadeira adequada com o tipo de pelagem dos Labradores.

Além disso, por ele gostar muito de água e de se exercitar, muita sujeira pode se acumular na sua pele. Pensando nisso, os banhos devem ser bastante regulares de acordo com essas atividades. 

Contudo, se ele não pratica muitas atividades ao ar livre, banho uma vez a cada dois meses já é o necessário.

Um ponto importante é sempre fazer limpeza de ouvido no seu Labrador filhote. Como ele entra muito em contato com a água, algumas infecções de ouvido podem surgir com frequência. Portanto, sempre limpe as orelhas do seu cão após os banhos e mergulhos.

Outro detalhe importante é sempre cortar as unhas do seu cachorro quinzenalmente. Isso é importante para retirar as sujeiras das patas e unhas. Não deixe de cuidar da saúde bucal, escovando os dentes todos os dias para evitar mau hálito e a formação de tártaros.

O que um filhote de labrador pode comer?

O filhote de labrador deve comer sempre o melhor tipo de ração para atender às suas necessidades. Afinal, esta raça é naturalmente ativa e brincalhona. Desse modo, o labrador bebê possui um alto metabolismo, o que deve ser mantido por uma ração de alta qualidade nutritiva.

Mas, para escolhê-la de maneira eficaz, em primeiro lugar, você deve procurar ajuda a um veterinário para lhe indicar a ração mais adequada para o seu Labrador.

O ideal, nesse caso, é procurar por uma que atenda ao seu porte físico ou idade, por exemplo.

Ademais, verifique se o seu pet está apto para mastigar ração seca. Se ele ainda estiver sem dentes, a dica é fornecer a ele uma ração úmida adequada.

Para ele comer uma ração convencional, o mais indicado é esperar que o labrador complete 3 meses de idade.

Aliás, nunca exagere na quantidade de ração para o seu filhote. Sempre procure um especialista para lhe indicar a quantidade correta diária de comida ou se oriente pelas instruções atrás da embalagem da ração.

Como adestrar um filhote Labrador?

Labrador Filhote. Imagem: Pexels

Adestrar um filhote de Labrador pode ser muito bem-vindo por se tratar de uma raça cujas características marcantes são a inteligência e a obediência, além de ser bastante adaptável a qualquer ambiente em que estiver inserido.

Nesse caso, o adestramento será positivo, porque ressaltaria ainda mais essas características marcantes do Labrador.

Ademais, uma rotina de exercícios e brincadeiras servirá para aliviar o estresse dele, ainda mais por ser uma raça que necessita de uma atividade para se ocupar.

Desse modo, o adestramento pode começar quando ele tiver completado 2 meses de idade, quando o pet já começa a ter noção do que é certo e errado. Assim, para incentivá-lo a ter comportamentos positivos, você pode oferecer petiscos ou rações como uma recompensa após seu pet fizer algo certo.

Além disso, você deve:

  • ensinar comandos básicos como “senta”, “fica” e “deita”, que são simples, mas ajudam a disciplinar o seu Labrador filhote;
  • ter paciência na hora de ensinar esses truques. O tempo é um grande professor e nunca ache um desperdício repetir as atividades, será através disso que o seu Labrador irá entender mais facilmente;
  • desestimular mordidas para seu cachorro não ficar agressivo, portanto, não dê a mão para ele brincar;
  • ignorar comportamentos indesejados, como latidos e pulos, que geralmente são feitos para chamar a atenção dos tutores.

Quanto custa um filhote de Labrador?

Labrador Filhote. Imagem: Pexels

Um filhote de Labrador geralmente tem um preço em média de 2000 reais.

Mas, para chegar a esse preço, os canis observam como fatores principais o sexo do pet, já que as fêmeas possuem um valor maior em comparação aos pets machos, por conta do seu poder de reprodução, o que a torna mais valiosa.

Além disso, outro fator importante é a cor da pelagem, que apresenta três variações possíveis pelo padrão da raça (amarelo, preto e chocolate).

O fato de uma cor ser mais rara do que a outra é o suficiente para que os preços de um Labrador filhote se elevem.

Como saber se o filhote de labrador é puro?

Para saber se o seu Labrador filhote é realmente puro na hora da adoção ou da compra, é preciso se atentar às características físicas mais comuns da raça, isto é, além das três cores mencionadas, os labradores filhotes geralmente possuem:

  • 40 cm de altura e podem chegar a 56 cm na fase adulta, em média;
  • 6 kg de peso e chegar a no máximo 30 kg quando estão mais crescidos;
  • costas e barrigas retas;
  • pelo e subpelo curtos e densos;
  • olhos essencialmente castanhos, podendo ser claros ou “cor-de-avelã”;
  • pernas alongadas, com patas arredondadas e compactas, com membranas entre os dedos, para facilitar na natação;

Essas são algumas das características físicas mais essenciais para observar se o seu filhote de labrador é raça pura ou não.

Além disso, sempre pesquise bem o canil onde irá comprar o seu Labrador filhote. Existem muitos canis sem procedência e que deixam seus filhotes e matrizes sem condições de sobrevivência, explorando esses adoráveis animais.

Desse modo, para evitar o financiamento desses lugares, é preciso:

  • desconfiar de preços mais baixos do que o mercado exige;
  • exigir o pedigree do seu pet;
  • conferir na CBKC o ranking anual dos melhores criadores da raça labrador.

Bom, espero que tenha aprendido bastante com o nosso artigo. Certamente ficou curioso em aprender mais sobre a raça, veja o nosso artigo completo sobre o Labrador Retriever, por lá falamos mais sobre suas características, origem e muitas curiosidades sobre a raça! Vejo você por lá, até mais!

navarrolucas
navarrolucas

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.