Descubra o Top 7 das raças de cachorros mais feios do mundo!

Descubra o Top 7 das raças de cachorros mais feios do mundo!

23 de junho de 2022 0

Temos certeza que, apesar da aparência, você acha que o seu cãozinho é o mais lindo do mundo, não é mesmo? E não tem problema nenhum nisso, mas, vamos ser sinceros: ele é realmente bonito ou apenas é seu?

Para o artigo de hoje, nossa equipe reuniu as principais raças de cachorros mais feios do mundo. Alguns deles possuem uma beleza um tanto exótica, que é bem difícil encontrar por aí, principalmente, no Brasil.

São diversos os fatores que podem fazer com que um cãozinho nasça diferente da maioria. No entanto, eles são tão apaixonantes quanto qualquer outra raça. 

Também reunimos as principais informações sobre o que leva o animal a nascer assim, bem como sua popularidade ao redor do mundo.

Com a leitura, você encontrará os seguintes tópicos sendo abordados:

  • O que define o cachorro como o mais feio do mundo? 
  • Cães feios também podem ser criados;
  • As 7 raças de cães mais feias do mundo;
  • [EXTRA] Os 3 cachorros mais feios do mundo;
  • Principais dicas para preservar a saúde mental do cachorro.

Boa leitura!

O que define o cachorro como o mais feio do mundo? 

Definir as raças de cachorros mais feios do mundo não é uma tarefa simples. Então, para tornar mais fácil, foi criado o concurso World ‘s Ugliest Dog que tem como objetivo definir o cãozinho com a beleza mais peculiar do planeta.

Esse concurso existe há mais de trinta anos, e em toda edição desmistifica a crença de que o pedigree define o animal. O evento também tem como missão celebrar as imperfeições que tornam todos os pets especiais e únicos, mostrando que beleza não é tudo.

Ao mesmo tempo que é divertido e ótimo para passar o tempo, o concurso ressalta pontos importantes sobre a vivência com esses animais. Debates sobre a necessidade de defender as raças, independente da aparência, são levantados a todo momento.

Muitos dos animais que competem entre si foram resgatados de centros de condições precárias de vivência, sem contar com os casos onde o animalzinho passou por agressões.

Em suma, na maioria das vezes o cão não nasceu com aquela aparência, mas sofreu tanto durante um tempo que acabou ficando assim. Mas isso não é regra, alguns pets são só feios mesmo!

Os donos dos cães são todos os tipos de pessoas, de jovens a idosos, cada um orgulhoso de seu animal de estimação, apesar da falta de pelo, olhos vesgos, gingado de pato ou orelhas desproporcionais. 

Eles apresentam orgulhosamente seus pets, como se fossem verdadeiros membros da realeza.

Vale ressaltar que, antes de chegar ao concurso, todos os cães devem apresentar a documentação de um veterinário atestando que estão saudáveis. 

O World’s Ugliest Dog segue com uma verificação veterinária no local, pouco antes do concurso. 

Grupos de resgate e adoção de animais também ficam no local com informações mostrando animais de estimação adoráveis e prontos para serem levados para casa, sempre evidenciando a importância de acolher. 

Cães feios também podem ser criados

Existe uma terceira explicação para a aparência dos cães mais feios do mundo. Não é incomum, cientistas realizarem experimentos cruzando mais de uma espécie para dar origem a uma nova raça.

Muitos ficam em busca de uma “estética perfeita”, o problema é que na maioria das vezes esses testes não saem conforme esperado. Infelizmente, nesses casos os animais são considerados como ferramentas para chegar a um objetivo.

Além desse fato, outro infortúnio é que muitas doenças podem ser desenvolvidas com esses cruzamentos. O cachorro Pug é um exemplo de raça criada em laboratório, e por isso são mais propensos a sofrerem com problemas respiratórios.

As 7 raças de cachorros mais feios do mundo!

Lembre-se que pouco importa se o seu cachorro aparece nesta lista. O que vale é o quanto ele te ama e é bem tratado. Ele deve ser o cachorro mais lindo do mundo para você, e no final das contas é o que interessa.

Beleza vai muito além de questões estéticas, sem mencionar que as atitudes do cão contam mais que tudo, não é mesmo? Dito isso, confira abaixo a lista com os principais cachorros mais feios do mundo!

7. Bull Terrier

A aparência do Bull Terrier é uma das mais marcantes do mundo canino. Graças à sua postura firme e expressão bastante determinada, ele pode assustar quem não conhece muito sobre a raça.

Ele se trata de um cachorro obstinado e que precisa de treinamento qualificado para obedecer às ordens do dono. Normalmente, é um cão muito companheiro e inteligente.

Gosta muito de brincar e se adapta a qualquer ambiente. Ele é um daqueles animais que adoram socializar e possuem energia para dar e vender!

6. Borzoi

Elétrico, divertido e corredor. Essas são as principais características que definem o cachorro da raça Borzoi, que possui uma aparência indiscutível. A personalidade desse cão costuma ser bem calma e descontraída.

Eles latem bem pouco, apenas quando necessário. Muito inteligentes, esses cachorros são bem territorialistas e prezam pelo seu espaço e privacidade. Se você está buscando um cão para te acompanhar nas atividades físicas, essa é a escolha perfeita para você!

Como dissemos, eles costumam ser bem calmos, mas também são pouco sociáveis, principalmente com estranhos. A pelagem do animal é um dos seus principais diferenciais.

5. Bedlington terrier

A principal característica que define esse cãozinho é o seu corpo totalmente arredondado. Um fato engraçado é que, juntando o seu formato com a sua pelagem, ele facilmente pode ser confundido com uma ovelha.

Ele é bem diferente dos cachorros mais comuns, então divide bem a opinião popular sobre sua beleza exótica. Também é extremamente carinhoso e amigável, sem contar o fato de serem excelentes cães de guarda.

Quando nascem, são totalmente pretos ou marrons. Apenas depois os pelos crescem e vão clareando. Para algumas pessoas, ele é lindo, mas, para outras, muito estranho.

4. Pug

Essa, com certeza, é a raça que mais divide a opinião do público a respeito de sua beleza (ou falta dela). 

O Pug como o conhecemos hoje se trata de uma raça desenvolvida em laboratório, como mencionamos acima. Apesar disso, ele costuma ser bem popular aqui no Brasil.

Ele é um cachorro dócil, amável e muito companheiro, muito adequado para viver em casas pequenas ou apartamentos. Também é muito amigável, e costuma fazer amizade com todo mundo. 

A pelagem deste animal é fina, curta, macia e brilhante. Seu focinho achatado é o que mais chama atenção de quem o vê pela primeira vez. 

3. Pequinês

O Pequinês pode até parecer um cachorro bonito quando visto de longe, no entanto, a combinação do seu focinho achatado com a pelagem longa o coloca como um questionamento. 

A principal afirmação de quem o acha feio são os olhos bem afastados um do outro, o que dá a impressão do bichinho ter algum problema neles. 

São pouco animados, mas costumam adorar quando visitas chegam, bem como quando as crianças vêm brincar com ele. 

2. Shar Pei

Sua fisionomia é bastante debatida quando o assunto é cães com aparência exóticas. Ele é um dilema porque, ao mesmo tempo que é bastante procurado, também é muito desprezado por conta das suas dobras espalhadas pelo corpo. 

Ele também é muito propenso a desenvolver problemas de saúde, em especial os relacionados à respiração. Por isso, todo tutor deve ter paciência e atenção para cuidar deles.

É uma raça bem inteligente, e não costuma ser bagunceira. Apesar disso, ela é de porte grande, ou seja, não é recomendável que você o crie em ambientes pequenos.

1. Mastim Napolitano

O Mastim Napolitano é uma das espécies mais antigas do mundo. Sua história é bastante curiosa, ainda mais porque a presença dessa raça era garantida nos grandes coliseus da cidade. 

Vendo de longe, parece que o seu rosto está derretendo, ou que ele está sofrendo muito. Mas, não se engane, é apenas o que dá a entender.

Eles são excelentes cães de guarda, sem falar que também são cachorros enormes. 

Você pode ler mais sobre sua origem em: Mastim Napolitano: quanto custa, como cuidar, características e mais!

E, assim concluímos: a raça Mastim Napolitano é uma das mais feias do mundo.

[EXTRA] Os 3 cachorros mais feios do mundo

No início do artigo falamos sobre a World ‘s Ugliest Dog, que elege os cachorros (não as raças) mais feias de todo o planeta.

Abaixo, nossa equipe reuniu alguns dos concorrentes mais exóticos da competição. Confira!

1. Sam

Abrimos a lista com a medalha de ouro. Ela vai para o cachorro Sam que, até 2005, foi tricampeão consecutivo do concurso. Uma curiosidade é que, por causa do Sam que essa lista foi iniciada. 

Quando ganhou o título de Cachorro Mais Feio do Mundo, ele ficou tão famoso que até mesmo participou de programas de televisão!

Infelizmente ele já não está mais vivo, veio a óbito após uma série de problemas de saúde desencadeados pela idade. 

2. Gus

O prêmio para Gus veio em 2008, logo depois dele ficar conhecido por sua história de vida bem triste. Infelizmente seu tempo de vida após ser resgatado foi pouco, mas com certeza ele foi muito amado e bem querido quando estava vivo.

Apesar da aparência um pouco assustadora, Gus era um animal extremamente dócil e carinhoso.

3. Elwood

Elwood era a prova viva de que os cruzamentos impróprios nem sempre saem como imaginado. O ex-tutor do animal achou que seria uma boa ideia misturar as raças Chihuahua e Cão de Crista Chinesa, mas aí nasceu o campeão do concurso.

Após o nascimento do cãozinho, ele foi logo posto à venda, apenas por ter nascido feio e em desencontro às expectativas do dono. Felizmente outro rapaz encontrou o animal e decidiu adotá-lo.

O novo dono inscreveu Elwood no campeonato, que acabou ganhando o prêmio em 2007. 

Principais dicas para preservar a saúde mental do cachorro

Você sabia que devemos cuidar da saúde mental dos cachorros? Estes animais possuem propensão a desenvolverem problemas como ansiedade e depressão, como os humanos.

Pouca gente sabe dessa questão, por isso, confira abaixo as principais dicas para preservar a saúde mental do seu amigão:

  • tire um tempo do seu dia para estimular os sentidos do seu pet;
  • não se esqueça das brincadeiras, elas são fundamentais para a saúde do animal;
  • não deixe eles brincarem com as mesmas coisas o tempo todo, varie;
  • forneça alimentação adequada ao animal, como rações ricas em nutrientes;
  • estimule seu pet a socializar com outros animais e pessoas.

É importante que você compreenda os limites físicos do seu cachorro. Use-o de forma controlada para que seus ossos e articulações não fiquem sob muita tensão, o que acaba causando estresse para o pet.

Um pet estressado é um dos principais fatores que impactam na qualidade de vida e bem-estar deles. Geralmente, comportamentos costumam ser corrigidos com adestramento correto.

E aí, o que achou da lista de raças de cachorros mais feios do mundo?

Chegamos ao final do artigo e queremos saber: qual raça você acha que não deveria estar nessa lista de raças mais feias do mundo, e qual esquecemos de colocar? Queremos te ouvir!

É claro que esta lista não é de consenso geral, apenas um apanhado de pesquisas relacionadas ao tema. Todos os cachorros são belos de alguma forma e merecem amor e cuidado incondicionais!

Lembre-se: sua aparência exótica não é nenhum demérito!

Em caso de dúvidas sobre a saúde do seu pet, marque uma consulta ao veterinário. Somente com o auxílio profissional é possível ter a certeza de que está tudo bem com o seu amigão!

Gostou do artigo? Não deixe de compartilhar conosco também qual cachorro mais chamou sua atenção! Confira também outros conteúdos que podem facilitar sua vida de pai ou mãe de pet:

Até a próxima!

Planeta dos Animais
Planeta dos Animais

Aqui você descobre tudo sobre o seu animalzinho de estimação, seja ele um cachorro ou gato. São muitas informações, dicas de cuidados e várias novidades sobre esse fantástico mundo animal!